domingo, 7 de novembro de 2010

Amizade Incondicional!

Olá, amigos leitores do Sandra Cajado Arte & Cultura,

Sejam mais uma vez muito bem-vindos à minha coluna, lugar onde a alma grita e o coração mostra tudo que sente… As vossas palavras e visitas ao site é que fazem a arte acontecer, sem vocês os meus textos seriam meros escritos sem sentido nem objetivo! Obrigado a todos por nos ajudarem a fazer e divulgar a arte.

Hoje deixarei a poesia em silêncio, vou-vos falar de pessoas que fazem a diferença todos dias na nossa vida, vou falar do sentimento mais nobre e incondicional na nossa vida, a “Amizade”. Amigo cada vez mais é tesouro raro que devemos sempre cultivar, não precisamos ter muitos amigos na nossa vida, acho que ninguém tem muitos, basta ter amigos verdadeiros, não importa o número mas sim a força da amizade verdadeira.



Sempre fui uma pessoa muito privilegiada pois tive amigos verdadeiros na minha vida, que foram o porto seguro e ajudaram a construir tudo que sou hoje, sem amigos tenho a certeza de que não seria nada do que sou. Então, resolvi homenagear dois desses amigos muito especiais que, nos últimos anos, têm sido esse suporte, esse porto seguro na minha vida. Com amigos assim, torna-se mais fácil superar as dificuldades, acreditar no futuro e nos passos que resolvemos dar, são amigos que muitas vezes não apetecia falar das minhas tristezas, mas sabia que estavam sempre ali prontos para escutar e com um sorriso.

São pessoas que muitas vezes me ensinaram a pescar em vez de dar o peixe para comer, com eles cresci como ser humano e amigo, acreditaram em mim e nas minhas forças e fizeram-me ainda mais acreditar em ir mais além nos meus sonhos. Estes dois amigos eu tenho a certeza de que vou cultivar a vida inteira, esteja onde eu estiver lhes direi todos dias o quanto são importantes para mim, o quanto fazem a minha vida ter mais sol no coração, e tudo farei com que nossa amizade continue a crescer e só termine num banco de jardim já velhinhos a rezingar por tudo e por nada!

Tudo isto é para os meus amigos de coração Carla Lopes e João Azevedo, pessoas raras que fazem a diferença na minha vida e nunca a distância vai ser mais forte do que construímos no coração. Para completar a minha homenagem, vou juntar aqui um texto que o João fez para mim no dia do meu aniversário a semana passada, um texto que emocionou-me pelo que diz mas principalmente mostra o que uma verdadeira amizade pode ver sem ser preciso falar. Junto também um vídeo que fiz especialmente para eles com momentos que vivemos e serão eternos.

João e Carla, saibam que são muito importantes na minha vida, e não serão estas humildes palavras que descreverão o quanto fazem e farão a diferença na minha vida, eternamente no meu coração meus amigos, forever!

“Quem tem um amigo, mesmo que um só, não importa onde se encontre, jamais sofrerá de solidão; poderá morrer de saudades, mas não estará só.” – Amir Klink


Ouvi isto na anatomia de grey

“A vida é feita de escolhas, mas as escolhas nem sempre estão nas nossas mãos”

Vou partir daqui para falar dum amigo.

Ele fez exatamente o contrário.

Espero que não fique chateado comigo por dizer isto

Ele estava condenado a ser um coitadinho, pela forma como nasceu, pelo sítio onde nasceu e por uma parte do mundo que o rodeou até ser adulto.

Julgo que foi no Hard Rock de Amesterdão, estava eu demasiado bem e yah tá-se!!! Para reter o quer que fosse, mas retive, marcou-me saber sobre a vida dele na infância e juventude.

Não vou entrar em pormenores obviamente.

Mas esse rapaz fez uma escolha e tomou outro caminho que não o de se resignar àquela vida, naquele local e com aquele mundo a rodeá-lo.

Decidiu ir á luta, quase sem armas. Mas foi.

Veio para Lisboa, à procura de algo que nem ele sabia bem o quê.

Trabalhou em vários sítios, fez pela vida, passou de certeza maus bocados em solidão.

Desconfio que chegou a passar alguma fomeca.

Mas nunca voltou atrás, nunca desistiu, nunca se deixou vencer.

Construiu o que é e tem hoje, construi-se sozinho, de quase nada.

Pouca gente conseguiria fazê-lo assim, enganar o destino desta forma, fazer as escolhas sem deixar que a vida ou os outros as façam por nós.

Esse rapaz chama-se Firmino César Gonçalves e está prestes a fazer outra escolha importante na vida dele.

Esse rapaz é gigante.

E os Coitadinhos somos nós.

(Texto de João Azevedo no meu aniversário – 16/09/2010)

João e Carla, este vídeo foi feito por mim especialmente para vós, espero que gostem pois foi feito de coração!



Caríssimos, cultivem e preservem os vossos verdadeiros amigos, digam e mostrem com atos o quanto são importantes para vós, pois são aqueles que estarão ao vosso lado no sol e na chuva da vida!

Eu amo os meus Amigos, todos dias!

Beijos e abraços, sejam felizes e façam felizes!


Original de: Firmino César Gonçalves

Criado para o site Cultural http://sandracajado.com.br/

2 comentários:

Paradigma disse...

Boa noite já existe um ditado querer é poder, mas quando um ou mais querem
fica fácil atingir aquele objetivo!
Comecei a escrever pouco tempo e tenho orgulho disso porque querer é poder. Abraço visita o meu blogger.

Arnaldo disse...

Passei pra conhecer seu cantinho.Adorei!Valeu